terça-feira, 21 de outubro de 2014

Novo Código de Trânsito aumenta rigor com motorista




A Lei 12.971, que promove alterações em 11 artigos no Código de Trânsito Brasileiro, foi publicada esta semana. As mudanças passam a valer a partir do dia 1º de novembro, mas os motoristas já devem se atentar, pois as penalidades ficarão bem mais rigorosas.

O motorista que cometer algumas infrações vai sentir e muito especialmente no bolso. No caso de forçar ultrapassagem ou realizar manobras perigosas, como cantar pneus ou fazer os conhecidos cavalos de pau, o valor da multa aumentou em dez vezes, passando de R$ 191,54 para R$ 1.915,40.

Esse valor também será aplicado a quem promover racha ou ainda competição nas ruas sem autorização. Tais multas ainda podem dobrar em caso de reincidência no período de um ano.

Em ultrapassagens pelo acostamento ou em faixa contínua a multa aumentou para R$ 957,70. As mudanças não ocorreram apenas nos valores de multas, mas também nas penalidades dos crimes de trânsito. Em caso de acidente com morte ou lesão corporal, se o motorista estava embriagado ou participando de racha, poderá cumprir pena em regime fechado, ou seja, ficar dia e noite na cadeia. Atualmente a pena é em regime aberto ou semiaberto.

No caso de racha ou competição sem autorização se houver morte a pena poderá chegar a até dez anos de prisão.

  Multas por ultrapassar na faixa contínua, em pontes, viadutos ou pela direita, usando o acostamento, vão passar de R$ 191 para R$ 957. Já a chamada "ultrapassagem forçada" é a que ficou mais cara vai para R$ 1.915.

A legislação também ficou mais rigorosa para crimes de trânsito. Hoje quem é flagrado dirigindo embriagado e machucar ou matar alguém cumpre pena em regime aberto ou semi-aberto. Com a nova lei, esse motorista que bebeu pode cumprir pena sem deixar a prisão.

Vai dar cadeia também beber, fazer pega e ferir alguém: pena de três a seis anos. Quem participa de rachas hoje paga R$ 575; a partir de novembro, a multa passa para R$ 1.915.


Rede de fibra óptica que conectará Brasil aos EUA e Africa

Segundo Divino Sebastião de Souza, diretor presidente da Algar Telecom, a infraestrutura abre possibilidades que permitirão uma capacidade de transmissão de dados para a Região Norte do Brasil

Rede de cabos submarinos de fibra óptica que conectará o Brasil aos Estados Unidos e à África pode vir a melhorar a Internet no Amazonas, de acordo com Divino Sebastião de Souza, diretor presidente da Algar Telecom, uma das empresas que construirão a rede em parceria. O anúncio foi feito durante palestra na Futurecom 2014, que acontece em São Paulo.

Um dos cabos sairá de Boca Ratón, no estado norte-americano da Flórida, passará por Fortaleza (CE) e chegará até Santos (SP). Outro conectará Fortaleza a Angola, permitindo maior fluxo de dados entre a América Latina e a África, duas regiões com demandas crescentes no setor de telecomunicação. Segundo Cristian Ramos, gerente de parcerias de desenvolvimento de infraestrutura de internet para a América Latina da norte-americana Google, a previsão é que todo o sistema esteja totalmente operacional até o final de 2016.

O diretor acredita que as possibilidades abertas pelo projeto permitirão uma capacidade de transmissão de dados para a Região Norte. “Nós temos mais de 14 mil Kms de fibra óptica compondo nossa rede nacional e, com o cabo submarino conectando o nossobackbone, que hoje passa em Santos, com Fortaleza, há muitas possibilidades para levar essa conectividade ao Norte”, disse Divino.

Para o diretor da Algar Telecom, “uma parceria com alguém tenha estrutura na área a partir de Fortaleza é muito mais possível”, em contraposição a Brasília, a atual ponta norte do backbone da empresa. “Não imagino forma de conectar a transmissão dos dados do Norte via Brasília que não envolva a construção de linhas de transmissão, e isso requereria um trâmite muito mais complexo”, comentou.

Além dele, Carolina Cossa, presidente da estatal uruguaia de telecomunicações Antel; Antônio Nunes, presidente do conselho executivo da empresa angolana Angola Cables; e John Mitchell, presidente da também norte-americana TE SubCom, líder em sistemas de comunicações submarinos, estavam presentes na coletiva de imprensa realizada nesta terça-feira (14) dentro das atividades do Futurecom.

Investimento

Perguntados sobre o investimento total da empreitada, que um jornalista estimou que seria de aproximadamente US$ 500 milhões, os dirigentes ficaram constrangidos e olharam uns aos outros até que o gerente da Google declarou: “O investimento é próximo de US$ 500 milhões, mas não é US$ 500 milhões”.

Apesar disso, Antônio revelou que seus investimentos giram em torno de US$ 260 milhões, inclusos as despesas com um centro de processamento de dados que a Angola Cables pretende instalar em Fortaleza para dar suporte aos cabos que passarão pela cidade, e Cristina comentou que a Antel pretende gastar US$ 73 milhões com a obra.

Objetivos

As empresas vêm de diferentes backgrounds e têm objetivos distintos. A Antel, por exemplo, ainda tem expectativas de conectar o cabo diretamente ao Uruguai, em uma futura extensão que o levaria de Santos a Maldonado, mas disse ainda não ter previsão para essa obra. Já a Angola Cablesvê na incursão um passo estratégico.

“Isso tem tudo a ver com a nossa estratégia de desenvolvimento a nível africano. Angola quer ser um hub de telecomunicações na África e, para isso, fazer uma estrutura de cabos submarinos que vai fazer ligações diretas de Angola tanto para Europa, que temos um cabo a funcionar, outro cabo que vamos instalar entre Angola e o Brasil e este cabo que vai ligar o Brasil e o Estados Unidos, desenvolvendo com isto uma rede de cabos submarinos internacionais”, disse o presidente da empresa.

Gestão

Cada empresa compartilhará a estrutura em sua totalidade, mas será responsável por seu trecho de fibra óptica, podendo capitalizá-lo da maneira como achar melhor. Cristian, no entanto, destacou que “nem todas as empresas (da parceria) têm objetivo de gerar receita. Algumas só têm o objetivo de reduzir custos”.

Independente disso, os dirigentes comentaram que manutenção será pro rata, ou seja, custeada de maneira proporcional por todas as empresas, e realizada por uma única empresa contratada.

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

SEVILHA FC BICAMPEÃO DA COPA LUIZINHO EM SANTANA DO MATOS








No último domingo(19), a equipe mirim do Sevilha FC de São Vicente sagrou-se bicampeã da Copa Luizinho de Futsal em Santana do Matos.
Em uma partida super disputada contra a seleção de Afonso Bezerra, o Sevilha venceu pelo placar de 6 a 3. O jogo não foi fácil, visto que a seleção de Afonso Bezerra, não desistiu um só minuto de pressionar a equipe do Sevilha. Mas graças a grande atuação coletiva do Sevilha, a começar pelo seu goleiro Douglas França, que apareceu para evitar no mínimo 4 gols certos da equipe de Afonso. E por estas e outras defesas Douglas foi escolhido como melhor da competição. Também foi destaque na grande final os atleta Gabriel Allan (Melhor jogador), Jeferson destaque na marcação e também marcando dois gols, Luanderson auxiliando na defesa e também marcando dois gols, Heitor Santos pivô que se destaca segurando bolas, armando jogadas e claro marcando gols, desta vez marcou dois na grande final. Enfim, toda a equipe estar de parabéns, desde quem jogou a final, como também quem ficou na suplência, pois quando entraram ao longo do campeonato deram conta do recado.
Queremos agradecer ao Prefeito Joci, aos secretários Júnior Lins, Vitoria Gabriel, João de Deus e Verinha pelo apoio de sempre.





Sevilha FC


Em São Paulo, Governadora prestigia entrega do Prêmio Educador Nota 10





A Governadora Rosalba Ciarlini participou na noite desta segunda-feira (20), em São Paulo, da entrega do Prêmio Educador Nota 10. Entre os vencedores estava o professor potiguar Emanuel Alves Leite, que durante o ano de 2013 lecionou na Escola Estadual Professora Maria Lourdes Bezerra, em Macau. Ele ficou entre os 10 contemplados pelo prêmio Educador Nota 10, dado em parceria pelas Fundações Victor Civita, da Editora Abril, e Roberto Marinho, das Organizações Globo.





A Chefe do Executivo e a secretária estadual de Educação, Betânia Ramalho, foram convidadas pelas Fundações Victor Civita e Roberto Marinho para participarem da solenidade e foram acompanhadas pelo secretário Chefe do Gabinete Civil, Carlos Augusto Rosado, e o secretário de Comunicação Social, Paulo Araújo.





A Governadora foi recepcionada pela presidente da Fundação Victor Civita, Maria Antônia Civita. Também estava presente a presidente do Instituto Itaú Social, Neca Setúbal. A festa foi apresentada pela jornalista da Rede Globo, Sandra Annemberg.





"A série de prêmios de abrangência nacional, que recebemos nos últimos dois anos, tem mostrado que estamos no caminho certo. Há muito ainda a ser feito, mas o exemplo do professor Emanuel, selecionado entre 3 mil colegas, mostra que já começamos uma pequena revolução por meio da educação no nosso estado", declarou a Governadora.



Formado em Teatro pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Emanuel “Coringa”, como é mais conhecido, desenvolveu o trabalho "Lugar de Circo É na Escola" com o objetivo de levar a arte circense para as salas de aula da escola em Macau. "Contei com o apoio total da direção, que abriu as portas e apoiou minha ideia”, explica o mestre-ator, que teve o trabalho vencedor avaliado entre cerca de 3.500 projetos enviados de todo Brasil. Desde o começo de 2014, Emanuel faz parte do quadro da Escola Estadual Santos Dumont, em Parnamirim.



O Prêmio



Entregue desde 1998, o Prêmio Educador Nota 10 é o maior e mais importante do gênero na América Latina, já laureou 180 mestres nesse período e a partir de 2014 passou a ser realizado em parceria pelas duas maiores fundações dedicadas à Educação no Brasil. Os dez trabalhos vencedores foram escolhidos por um júri de especialistas e precisavam ser aplicados com o objetivo de desenvolver o ensino e a aprendizagem de crianças e jovens.



Fotos: Assecom/ Divulgação

MPF/RN entrega aos candidatos orientações sobre transição no Governo

O Ministério Público Federal entrega nesta segunda-feira, 20 de outubro, aos dois candidatos ao Governo do Rio Grande do Norte, documento contendo orientações sobre algumas cautelas a serem observadas por aquele que for eleito, quando da transição de governo. Segundo o procurador da República Kleber Martins, que assina os documentos, a razão de o MPF se antecipar ao próprio resultado é o fato de que, após as eleições, restarão apenas dois meses para a transição no cargo. Isso, associado às festividades de final de ano, poderia comprometer a adequação da medida caso o MPF aguardasse a formalização do resultado final.

O objetivo do documento é o de evitar que irregularidades sejam cometidas contra o patrimônio público, levando o Ministério Público Federal a ter que mover processo judiciais por crimes e atos de improbidade.

As orientações têm, em princípio, objetivo pedagógico e preventivo, mormente porque a experiência tem demonstrado que grande parte dos gestores que sofrem processos judiciais alegam que cometeram os ilícitos a eles imputados por desconhecimento e inexperiência em alguns assuntos de extrema importância para a gestão estadual, a exemplo de licitações, contratos administrativos, receita e despesa pública, obras públicas e prestação de contas”, ressalta o texto.

Indicar à atual governadora uma Equipe de Transição de Governo Eleito (ETE), em até cinco dias após o resultado das eleições, está dentre as medidas recomendadas. A ETE deve ser formada por pessoas capacitadas, com poderes para requisitar todas e quaisquer informações da Equipe de Transição de Governo em Fim de Mandato. Terá, ainda, que elaborar relatório com eventuais irregularidades e remetê-lo ao Ministério Público Estadual e Federal, Tribunal de Contas da União e do Estado, até o final de março de 2015.

Além disso, o documento alerta para a necessidade de promover licitações antes da contratação de empresa para o fornecimento de produto e serviço, salvo quando for efetiva e comprovada hipótese de dispensa ou inelegibilidade. Todos os documentos de tais processos licitatórios devem ser preservados para a obrigatória prestações de contas (art. 11, IV, da Lei 8.429/92).

As orientações serão entregues aos candidatos na sede da Procuradoria da República no RN. Às 10h será a vez de Robinson Faria e às 12h Henrique Eduardo Alves.

Rosalba - Além dos candidatos, o MPF também entregará à atual governadora do Estado, Rosalba Ciarlini, documento semelhante, com foco voltado, principalmente, para a preservação da documentação de convênios.

Mostra-se imprescindível que o governador que deixa o mandato garanta condições para que haja a continuidade dos atos da administração pública, em especial com a permanência dos serviços essenciais prestados à população, com a guarda e manutenção dos bens, arquivos, livros e documentos públicos em seu poder, sendo que agir negligentemente na conservação do patrimônio público constitui, em tese, o ato de improbidade administrativa previsto no art. 10, X, da Lei 8.429/92”.

Confira, aqui, a íntegra das orientações.

Desespero faz adversário do PMDB forjar notícia falsa e divulgar nas redes socia


O crescimento de Robinson nas pesquisas de opinião virando o jogo eleitoral no Rio Grande do Norte, a campanha do candidato do PMDB iniciou uma campanha suja nas redes sociais. O candidato que se dizia amadurecido e livre do radicalismo, mudou radicalmente a sua postura principalmente depois da divulgação da pesquisa Ibope no último dia 15 de outubro que mostrou uma vantagem de 8 pontos para Robinson nos votos válidos.A assessoria jurídica da campanha da coligação Liderados pelo Povo encaminhou à Polícia Federal e ao Ministério Publico a calúnia que começou a circular na internet com uma montagem grosseira, apesar de deletéria, para atingir a honra e a imagem de Robinson.A montagem acusa o candidato de participação em um processo de modo a tentar reverter a expressiva ascensão eleitoral por ele alcançada e divulgada pelo Ibope esta semana. Ao contrário do que é colocado na arte, o candidato Robinson Faria é testemunha de acusação arrolado pelo Ministério Público autor da ação penal.

domingo, 19 de outubro de 2014

PREFEITO DE PAU DOS FERROS MOBILIZA POPULAÇÃO PARA COMÍCIO DE ROBINSON


O crescimento da campanha do candidato ao Governo do Estado Robinson Faria (PSD) neste segundo turno ganha força com as mobilizações nas redes sociais. Em um vídeo que circula na internet, o prefeito de Pau dos Ferros Fabrício Torquato (DEM) convida a população a participar do comício de Robinson neste domingo (19).

“Na reta final de uma linda campanha, uma campanha em que nós elegeremos Robinson Faria governador do Rio Grande do Norte e eu quero convidar a todos para neste domingo vestir a camisa vermelha, vir às ruas em Pau dos Ferros e mostrarmos que o 55 terá uma grande vitória e nosso Estado e sim, agora conseguirá prosperar com Robinson Faria, 55, governador”, destacou.

O comício da democracia está agendado para as 20h e contará com a participação da senadora eleita Fátima Bezerra (PT), do deputado federal reeleito Fábio Faria (PSD) e do deputado estadual eleito Galeno Torquato (PSD).

Prefeito de Assu-RN, Ivan Júnior, deixa Henrique por Robson Farias


O prefeito de Assu-RN, Ivan Júnior do PROS, que no primeiro turno quase apoia o candidato a governador Robinson Faria, mas decidiu apoiar Henrique Alves por acreditar que só o peemedebista era capaz de reconstruir o Rio Grande do Norte, agora já acha que só Robinson pode fazer isso.

Ivan apoiou Henrique no primeiro turno, porém, em Assu, Robinson ganhou com quase 2 mil votos de maioria.

Resta saber se, mesmo declarando apoio a Henrique, o prefeito trabalhou nos bastidores para o “sempre parceiro”, traindo Henrique, ou se seu grupo foi derrotado mesmo em Assu.

Descontente com o aliado no primeiro turno, o candidato Henrique Alves (PMDB) Disse  Ivan o apoio a Robinson. "Acreditar no projeto dele para o Rio Grande do Norte e por questões de incompatibilidade com o grupo do Deputado Geroge Soares".

“Robinson tem projetos para o Vale do Açu e sempre foi nosso parceiro. Decidimos apoiá-lo porque ouvimos o povo para o 2º turno e eles querem Robinson no Governo.

No primeiro turno a votação de Robinson em Assú foi de 13.809 votos o que representa 50,63% dos votos válidos. A diferença para o segundo colocado, o candidato do PMDB foi de quase dois mil votos.

Ivan apoiou a candidatura da senadora eleita Fátima Bezerra (PT) que teve 19.674 votos, do deputado federal reeleito Fábio Faria (PSD) que também venceu em Assú com 10.265 votos que representa 33,46% dos votos.

Os municípios brasileiros receberão, amanhã (20), a segunda parcela do Fundo de Participação dos Municípios


Os municípios brasileiros receberão, amanhã (20), a segunda parcela do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) do mês. De acordo com informações da Confederação Nacional de Municípios (CNM), considerando o porcentual destinado ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), o montante a ser partilhado é de R$ 601.851.261,82. Ao incluir essa retenção, em valores brutos, o montante chega R$ 752.314.077,28.
Pelos cálculos da entidade, o segundo repasse do FPM deste mês apresenta aumento de 16,2% em relação ao valor repassado no mesmo período do ano passado. Ao somar essa transferência às demais feitas desde o início do ano, a Confederação, calcula que o Fundo teve crescimento de 4,5%, em termos reais, e já soma R$ 61,881 bilhões. No mesmo período de 2013, o acumulado do FPM era de R$ 59,233 bilhões.
A Receita Federal, em sua última projeção divulgada no começo de outubro, indicou redução 7,3% nos repasse do Fundo durante este mês de outubro.  De acordo com a série histórica do FPM, esse 2.º decêndio de outubro está maior em 18%, se comparado com o 2.º decêndio de setembro. No entanto, a CNM aconselha aos gestores municipais que mantenham prudência para enfrentar o mês e não ter problemas futuros.

O senador José Agripino Maia (DEM-RN), “confissão de culpa do petismo”.


O senador José Agripino Maia (DEM-RN), coordenador da campanha do presidenciável Aécio Neves (PSDB) afirmou no sábado (18) que a declaração da presidente Dilma Rousseff (PT) de que houve desvio de recursos na Petrobras é um reconhecimento do escândalo e uma “confissão de culpa do petismo”.

“Todos os posicionamentos do governo e da presidente em relação a esse tema são sempre tardios, como foi a demissão de Paulo Roberto Costa. Demissão que se deu nos termos que o Brasil inteiro sabe, com o reconhecimento dos grandes serviços prestados por ele”, disse Agripino Maia em declaração publicada na jornal O Globo que circula neste domingo (19).

Para o senador democrata, o reconhecimento sobre o esquema delatado por Costa na estatal e revelado na Operação Lava Jato da Polícia Federal só aconteceu por uma questão eleitoral: “Até hoje, os fatos relatados não foram objeto de providências enérgicas do governo. Somente agora, às vésperas das eleições, é que a presidente está reconhecendo o dolo praticado pelo petismo. Tudo isso tem um sentido eleitoral, é claro.”

Ao Globo, o deputado federal paranaense Rubens Bueno (PPS) criticou Dilma por uma suposta blindagem da Petrobras. Segundo ele, as declarações da presidente acontecem após anos de desvios bilionários na estatal. Para ele, Dilma deve ser responsabilizada, já que ao longo de 12 anos ela teve alguma ligação com a empresa, seja como ministra de Minas e Energia, da Casa Civil, presidente do Conselho de Administração da Petrobras ou presidente da República.

“Nesses 12 anos, só agora admite desvios na Petrobras? Por que não tomou providências na época? Todos queremos que ela seja responsabilizada por isso”, disse.

O líder do PSDB na Câmara, Antônio Imbassahy (BA), foi além. Ele qualificou a atitude de Dilma de “esperteza” e disse que “o PT se especializou em corrupção”. “Nenhum brasileiro minimamente informado acredita na declaração que ela deu alguns dias atrás, dizendo que não sabia de nada. É uma esperteza na véspera de uma eleição, que vai consagrar o fim melancólico de um governo e da decadência de um partido que abandonou suas bandeiras”, disse Imbassahy.

sábado, 18 de outubro de 2014

Fábio Dantas: “Eleição de Robinson sela fim de um ciclo na política do Rio Grande Norte”

Alex Viana
Repórter de Política




“Essa eleição é muito mais que uma eleição. É o fim de um ciclo, de uma geração que governou o Estado durante mais de 40 anos. Ciclo que acaba agora, com a eleição de Robinson. A eleição de Robinson é o fim de um ciclo e o nascimento de uma geração. Não que seja uma geração de Robinson e de Fábio. Nada disso. Porque significa que se fizermos um bom governo, ficaremos. Mas, se não fizermos um bom governo, seremos substituídos por novos políticos”, afirmou Fábio, em entrevista ao Jornal de Hoje.

Ao abordar a perspectiva deste segundo turno, Fábio afirma que a vitória de Robinson está consolidada. “O eleitor está mostrando o que quer”, afirma, ao comentar a pesquisa Ibope desta semana, que mostrou Robinson liderando a disputa com 54% das intenções de votos, contra 48% de Henrique Alves (PMDB). “A eleição já tinha sinais de que venceríamos. Sinal de que Henrique não passaria dos 40%. Eu sempre disse isso. A eleição hoje está cristalizada em torno do crescimento de Robinson e a rejeição do candidato adversário. Hoje, Robinson é conhecido, tem perspectiva de vitória. Acho que a candidatura de Robinson só vai crescer mais até a eleição. Eu tinha perspectiva de ganhar no primeiro turno por diferença de 100 mil votos. Como teve Robério Paulino (PSOL), não vencemos no primeiro turno. Agora, acho que passaremos dos 200 mil votos no segundo turno de vantagem sobre o nosso adversário”.

 “Henrique eleito, mesmo se fosse um péssimo governante, dificilmente seria tirado do governo, pela força de comunicação e outros meios que tem. Só a força do povo para derrotá-lo da forma que está derrotando”.

“Diferente das outras, esta é uma eleição bonita, feita de sonhos. O mesmo sonho de milhares de norte-rio-grandenses, que esperam um RN com mais saúde, educação e desenvolvimento. O sonho foi o que nos fez enfrentar e derrotar esse acordão”, diz.

A despeito dos ataques que Robinson vem sofrendo de Henrique, o vice de Robinson diz que, nesse momento, a sociedade potiguar já escolheu. “O sentimento anti-Henrique é muito grande. Eles pregam que Henrique seria bom para o RN, mas, na prática, não provou nada disso. Na vez que governou o executivo na Segov, não tem um projeto que melhorou a qualidade de vida do povo”.

 “O programa ‘Brasil Mais Seguro’, que ele disse que ia trazer, até agora nada. A saúde ia melhorar, até o ministro trouxe aqui, mas continua do mesmo jeito. Ele foi para Mãe Luíza aparecer, mas, até hoje, o buraco está lá. A adutora de engate de Jucurutu, só promessa. O diâmetro da tubulação é fino e não chega às casas. Se botar uma bomba maior, o cano estoura. Na Reta Tabajara, as máquinas estão todas paradas. Henrique é só promessa. Quero ver quem será a próxima vítima dele. Acho que, dessa vez, será ele mesmo”, afirma.

“Tenho certeza que Robinson será um grande governador”

 “Que o governo atenda à sociedade. Tenho certeza que Robinson será um grande governador. Nós vamos estar ao seu lado ajudando a governar bem o RN”.



“Derrota de Wilma foi fruto de ter se aliado a Henrique”

Para Fábio Dantas, a derrota da vice-prefeita de Natal e candidata do PSB a senadora, Wilma de Faria, foi fruto de ter se aliado a Henrique Alves. O parlamentar é ácido, ao se referir aos políticos que tiveram suas vidas públicas encerradas após aliarem-se a Henrique.

“A derrota de Wilma foi o efeito Ebola. O mesmo vírus que contaminou Aldo Tinoco, Geraldo Melo, Wanderley Mariz, e que nessa eleição contaminou Fafá Rosado, Sandra Rosado, Leonardo Nogueira, Vivaldo Costa, Claudia Regina. Para completar, contaminou a guerreira. Quem chega perto desse homem morre politicamente”, acusa Fábio.

Já a vitória de Fátima Bezerra (PT) para o Senado, segundo o deputado, foi construída pela classe trabalhadora, pelos homens mais simples. “Uma vitória bonita a de Fátima. A derrota de Wilma foi fruto de ter se aliado a Henrique”.

Conab volta a vender milho no estado Beneficiários podem adquirir até três mil quilos por mês, ao preço de R$ 23,10 por saca de 60 quilos.


Com a publicação da portaria nº 273 do Ministério da Integração Nacional, publicada no Diário Oficial da União do último dia 16, que reconhece o estado de emergência pela seca em 152 cidades do RN, a Conab voltou, na última sexta-feira (17), a fazer a venda de milho por meio da Operação Especial do Programa de Vendas em Balcão.

O programa beneficia pequenos criadores de aves, bovinos, ovinos, caprinos e suínos, com cadastro na Conab, nos municípios do RN em situação de emergência decretada junto à Secretaria Nacional da Defesa Civil. Os beneficiários podem adquirir até 3 mil quilos por mês, ao preço de R$ 23,10 por saca de 60 quilos.

De acordo com o Superintendente Regional da Conab do RN, João Maria Lúcio, quase 6 mil toneladas de grãos de milho estão disponíveis para a venda. “Temos estoque carregado nas unidades de Assu, Caicó, Currais Novos, Natal (Caiapós) e Umarizal, e estamos esperando a chegada de mais 852 toneladas que embarcaram nesta semana para reforçar os armazéns de Natal (Lagoa Nova e Caiapós), Caicó e Currais Novos”, disse.

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

“Gato”. O Rio Grande do Norte tem cerca de 40 mil ligações clandestinas de água


O Rio Grande do Norte tem cerca de 40 mil ligações clandestinas de água. A estimativa é da Companhia de Águas e Esgostos (Caern), que alerta para uma série de problemas causados pela prática popularmente chamada de “gato”.

A Caern explica que as ligações irregulares causam desperdício de água e danos ao meio ambiente, além de prejudicar a capacidade da rede, que é projetada para atender a um determinado número de clientes. “As ligações clandestinas comprometem a pressão da água e podem ser uma porta aberta para a contaminação da água que abastece a população”, diz a companhia.

A Caern acrescenta que algumas das modalidades “gato” comumente praticadas são a ligação não cadastrada; ligação por conta própria; desvio da medição (by-pass); danificação, violação, retirada do hidrômetro, fornecimento indevido de água e ligações clandestinas nas adutoras.

A recomendação da companhia é que a população denuncie a prática pelo telefone 115. A irregularidade está descrita no Código Penal como crime de furto qualificado, e passível de pena de reclusão de 2 a 8 anos e multa. Mesmo que a prática tenha sido realizada por terceiros, se as ligações clandestinas forem encontradas no imóvel, o proprietário será o processado, segundo a companhia.

G1RN

Ibope aponta vitória de Robinson com 160 mil votos de maioria sobre Henrique Alves


O candidato do PSD, Robinson Faria, é o favorito na disputa pelo Governo do Estado. E quem está apontando isso não são os políticos aliados ao peessedista, é o Ibope. Nesta quarta-feira, o instituto de pesquisa divulgou um novo levantamento, o primeiro realizado no segundo turno, e deu Robinson na frente com 54% das intenções de votos válidos. O candidato do PMDB, Henrique Eduardo Alves, ficou oito pontos atrás, com 46%.

Se colocado os votos brancos, nulos e os eleitores que ainda estão indecisos, Robinson Faria fica com 45% e Henrique, 38%. Diante disso, baseado no número de eleitores do RN (2.326.583) e desconsiderando o não comparecimento, significaria dizer que o candidato do PSD teria 1,046 milhão de votos e Henrique, 884 mil votos. Ou seja: Robinson seria vitorioso com 160 mil votos de maioria, segundo o Ibope.

Com relação aos votos válidos, o placar representou um crescimento de 12 pontos percentuais de Robinson Faria neste segundo turno, se comparado ao resultado da última pesquisa divulgada pelo Ibope (no dia 3 de outubro) e o resultado da própria votação do dia 5. Afinal, nos dois ele ficou com 42% dos votos válidos. Henrique, por sua vez, caiu quatro pontos com relação à última pesquisa do Ibope e um ponto se comparado a votação que obteve em primeiro turno.

O crescimento de Robinson, é bem verdade, foi ainda maior se comparado aos números que o Ibope apontou como previsão de segundo turno ainda na pesquisa divulgada no dia 3. Afinal, nesse levantamento, foi feito uma projeção de primeiro turno e a vitória era de Henrique, com 42% das intenções de voto, contra 36% de Robinson. Naquela época, 7% ainda estavam indecisos e não sabiam em quem votar.

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Virada de Robinson no RN é destaque na imprensa nacional


O atual vice-governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSD), largou na frente na disputa pelo segundo turno no Estado.  Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta (15) mostra o candidato com 45% das intenções de voto, sete pontos à frente do presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB), com 38%.

Votos brancos e nulos somam 12%, e os indecisos são 5%. Esta é primeira pesquisa do segundo turno encomendada pela Inter TV Cabugi, afiliada da TV Globo. Quando analisados apenas os votos válidos, ou seja, sem contar com brancos, nulos e indecisos, Faria tem 54% e Alves, 46%. No primeiro turno, Henrique Eduardo Alves, que lidera uma coligação de 17 partidos, incluindo PSDB e PSB, obteve 47% dos votos. Robinson Faria, que na última semana de campanha do primeiro turno recebeu declaração de apoio do ex-presidente Lula, obteve 42%.
O professor Robério Paulino (PSOL), que obteve 9% dos votos, agora optou por não apoiar nenhum dos candidatos.

Da Folha de São Paulo

São Paulo agoniza por falta d'água. Presidente da Sabesp diz que cota de água acaba em novembro







A presidente da Companhia de Saneamento Básico do estado de São Paulo (Sabesp), Dilma Pena, disse nesta quarta-feira (15) que, se a chuva continuar escassa, a primeira cota do volume morto acabada em “meados de novembro”. Ela foi à Câmara Municipal da cidade de São Paulo, onde foi interrogada pelos vereadores sobre a falta d'água.

 “Nós temos uma disponibilidade suficiente para atender a população nesse regime de chuvas até meados de novembro", disse a presidente da Sabesp. "Nós temos uma obra em fase de finalização para disponibilizar para o Sistema Cantareira mais 106 milhões de metros cúbicos por segundo”, disse Dilma sobre o reservatório atual.

A Sabesp espera obter autorização para usar a segunda cota do volume morto, caso seja necessário. Entretanto, uma liminar na Justiça impede a captação. Para obter a licença, a companhia elaborou relatório que admite, pela primeira vez, possível aumento "de ocorrências de falta d'água" a partir de abril caso as chuvas sejam escassas como em 1953.

 A presidente da Sabesp rebateu críticas dos vereadores e disse que não há restrições do uso da palavra racionamento. “Nós não temos nada contra a palavra racionamento. Nós temos simulações de melhor utilização da água disponível”, respondeu.
Segundo Dilma, a água teria acabado em meados de agosto caso a Sabesp tivesse implantado o racionamento com um dia sem água e dois com água. Ela voltou a defender que a crise hídrica foi originada devido aos problemas climáticos.

“Estamos na primavera que apresenta médias de chuva acima de 100 milímetros e não aconteceu nem em setembro e nem em outubro”, disse. Dilma ressaltou também que as temperaturas estão, em média, 4 graus acima da média.

 G1/SP





quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Ibope. Robinson tem 54% e Henrique, 46%, no RN




Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (15) aponta os seguintes percentuais de votos válidos na corrida para o governo do Rio Grande do Norte:
- Robinson Faria (PSD) - 54%
- Henrique Eduardo Alves (PMDB) - 46%

Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.
É o primeiro levantamento divulgado pelo instituto no segundo turno da eleição para governador do RN.
A pesquisa foi encomendada pela Inter TV Cabugi.

Votos totais
Se forem incluídos os votos brancos e nulos e dos eleitores que se declaram indecisos, os votos totais da pesquisa estimulada são:
- Robinson Faria (PSD): 45%
- Henrique Eduardo Alves (PMDB): 38%
- Branco/nulo: 12%
- Não sabe/não respondeu: 5%
O Ibope ouviu 812 eleitores em 39 municípios do estado de 12 e 14 de outubro. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de três pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

A pesquisa foi registrada no Tribunal Eleitoral Regional (TRE-RN) sob o protocolo RN-00043/2014.

Rejeição
O Ibope perguntou em qual candidato o eleitor não votaria de jeito nenhum. Veja os números:
Henrique Eduardo Alves - 47%
Robinson Faria - 35%
Poderia votar em ambos - 15%
Não sabe/não respondeu - 8%
Expectativa de vitória
O Ibope também perguntou aos entrevistados quem eles acham que será o próximo governador, independentemente da intenção de voto. Para 43%, Henrique Eduardo Alves sairá vitorioso; 43% acreditam que Robinson Faria ganhará; 14% não sabe ou não respondeu.

Secretaria de Segurança divulga balanço de prisões na primeira quinzena de outubro








Após as mudanças no formato de patrulhamento, inteligência e investimentos realizados pela Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed/RN) em material para a execução do trabalho policial, a instituição passará a divulgar os dados do número de prisões e apreensões realizadas pelas Polícia Civil e Polícia Militar (PM) a cada 15 dias.


A medida foi um compromisso firmado pelo secretário estadual de Segurança, Eliéser Girão Monteiro, que visa transparência acerca das ações das instituições que compõem a Sesed. Na primeira quinzena foram registradas 86 prisões, sendo 18 pela Polícia Civil, pelos crimes de homicídio, tráfico de drogas, porte e posse ilegais de armas, estelionato e crime de pirataria, sendo sua maioria envolvida com a prática ilegal do comércio de drogas.


Já a Polícia Militar prendeu 68 pessoas por roubo, furto, tráfico de drogas, porte e posse ilegais de armas e pessoas em atitude suspeita. Foram apreendidas também 18 armas, sendo 15 revólveres e três pistolas; 84 munições; 10 veículos recuperados; 1,2 Kg de drogas apreendidas e dois foragidos da justiça foram recapturados pelo Comando do Patrulhamento Metropolitano (CPM). Já o comando do Patrulhamento do Interior apreendeu (CPI) cinco armas, sendo quatro revólveres e uma pistola; além de 5,7 Kg de drogas (4,970 Kg de maconha, 60 pedras de crack e 150g de cocaína).


Este trabalho reforça a obrigação da Sesed com a Segurança da população Norte-rio-grandense após a realização da Operação “Brasil Integrado – Ação Nordeste”, realizada entre os dias 2 e 4 de setembro, resultando em 69 prisões e cumprimento de 86 mandados de busca e apreensão em 19 cidades do Estado, além da “Operação Mercenários”, realizada no dia 26 de setembro, que prendeu  sete integrantes de uma quadrilha especializada em roubo, furto e receptação de veículos automotores, além de falsificação de documentos para adulteração de veículos e cartas de habilitação.


O secretário Eliéser Grião Monteiro também informou que a Secretaria também disponibilizou um canal para a população participar das investigações, por meio do Disk Denúncia (181), que está à disposição em tempo integral para coletar informações de possíveis casos. “Precisamos do apoio da população com as denúncias de pontos de venda de drogas, pessoas em atitude suspeita dentre outras ações. Eles terão sua identidade preservada e nós iremos trabalhar em cima das denúncias para prender os criminosos”, informou o secretário.

 

“Cidadão consciente, segurança mais eficiente.”



INFORMAÇÕES À IMPRENSA:



SESED: (84) 3232-1100/1188

Geraldo Miranda – Assessor de Imprensa: (84) 8132-5977



DEGEPOL: (84) 3232-7677

Gustavo Mariano - Assessor de Imprensa: (84) 8135-5786



5ª Seção/EMG - Relações Públicas da PMRN: (84) 3232-6387/6388

Major Maria Tereza de Melo – Chefe da 5ª Seção: (84) 8137-2312

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Governadora visita obras de abastecimento de água na zona rural de Caicó






A Governadora Rosalba Ciarlini dedicou esta terça-feira (14) a visita de obras de abastecimento de águas nas comunidades de Barra da Espingarda e Lajinha, e no distrito de Palma, todos na zona rural de Caicó. A chefe do Executivo Estadual foi acompanhada pelo prefeito de Caicó, Roberto Germano, pelos secretários de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Luciano Cavalcanti, de Apoio à Reforma Agrária, Rodrigo Fernandes, e da Comunicação Social, Paulo Araújo.

Em Barra da Espingarda, as obras realizadas através do Programa Semiárido Potiguar (PSP), do Banco Mundial,  foram da rede de distribuição e reservatório, com rede de distribuição de 15 km, 110 ligações e 500 pessoas beneficiadas. A adutora, que captará água na barragem Passagem das Traíras, tem 11 km de extensão e investimento de recursos próprios do Governo do RN de R$ 1,1 milhão. A capacidade do reservatório é de 20 mil litros.

Em Palma, também com obra de distribuição e reservatório com capacidade de 20 mil litros de água, foram investidos R$ 184 mil, rede de distribuição de 5,5 km e 113 ligações. A adutora, que coletará água a partir da Barragem de Carnaúbas, com capacidade para 30 milhões de metros cúbicos de água, tem 19 km de extensão, e investimento de recursos próprios de R$ 2,1 milhões.

Em Lajinha, a obra de rede de distribuição e reservatório está orçada em R$ 298 mil, capacidade de 25 mil litros e rede de distribuição de 2 km. Serão realizadas 207 ligações, com benefício aproximado para mil moradores. A adutora, que fará a captação a partir do Rio Piranhas-Assu, tem 17 km de extensão e investimento de R$ 820 mil. O total investido nas três ações somam R$ 4.020.000,00, beneficiando 2.150 habitantes, com 57 km de adutoras e rede de distribuição de 22,5 km.

Um dos beneficiados com a ampliação da oferta de água de qualidade foi Carlos Leitão de Araújo, de 84 anos. Residente em Palma há 77 anos, o morador lembrou como era o passado no distrito. “Passei muito tempo pegando água em um rio que ficava há uma légua da minha casa. Hoje está bem diferente. Esperei por muito tempo, pensei que nem viria água para cá mais, mas hoje é um dia que a gente pode se orgulhar”, declarou.

A Governadora comentou que a ampliação da rede de distribuição e das adutoras compreende uma política adotada desde o início da gestão à frente do Governo do RN. “As visitas que fizemos hoje demonstram que estamos mantendo o mesmo ritmo desde que assumimos o compromisso de levar o Rio Grande do Norte para o futuro. Tínhamos a obrigação de realizar essa sobras que vão levar mais dignidade à população das zonas rurais. Estamos passando por uma seca intensa, que já dura três anos, mas as nossas ações para amenizar o sofrimento do homem do campo, levar mais qualidade de vida e água de qualidade para as casas”, encerrou.

Fotos: Vivian Galvão

Governadora visita Barragem de Oiticica e confere projeto da comunidade Nova Barra de Santana











A Governadora Rosalba Ciarlini visitou na tarde desta terça-feira (14) o canteiro de uma das maiores obras de infraestrutura do Rio Grande do Norte, a Barragem de Oiticica. A visita foi acompanhada do secretario da Semarh, Luciano Cavalcante, do Padre Alexandre, da Paróquia Nossa Senhora de Fátima, em Caicó, e dos titulares da Comunicação, Paulo Araújo, e de Apoio à Reforma Agrária, Rodrigo Fernandes.

Além das obras, a Governadora conheceu o projeto da Nova Barra de Santana, comunidade que terá que ser realocada em virtude da construção da barragem. O processo licitatório para construção das casas será iniciado em novembro deste ano.

A nova área para assentamento dos moradores terá 27 hectares, cinco modelos de casas, de 50 metros quadrados até 140 metros quadrados, escola, posto de saúde, creche, praças, centro de compras e serviços, quadra poliesportiva, ruas  calçadas e com saneamento básico, réplica da atual igreja. Os prédios terão a mesma disposição semelhante ao layout atual da comunidade.

A obra da barragem de Oiticica tem o valor total de R$ 311 milhões, sendo R$ 292 milhões do Ministério da Integração e R$ 19 milhões de contrapartida do Governo do RN. Até o final do ano, mais R$ 35 milhões serão executados. De acordo com o secretario da Semarh, Luciano Cavalcanti, o valor será utilizado também para o pagamento das desapropriações e o pagamento do início dos assentamentos.

De acordo com a Governadora Rosalba Ciarlini, a Barragem de Oiticica será mais do que a realização de um sonho secular. “A Barragem de Oiticica trará a redenção hídrica para o Seridó, dará condições para o homem do campo trabalhar com segurança na agricultura irrigada e familiar, dando sustentabilidade para outras importantes ações do campo. Foi uma importante batalha que vencemos na minha gestão como Governadora do Rio Grande do Norte”, declarou.

Fotos: Vivian Galvão